8 Alimentos rejuvenescedores

O colágeno é a principal proteína presente no nosso organismo. Tendo a função de manter a elasticidade dos tecidos, ele é um elemento central no combate ao envelhecimento e ao surgimento de marcas de expressão e rugas. Contudo, a principal fonte do colágeno é, basicamente, a proteína – em especial a carne de boi e a gelatina. Assim, vegetarianos e veganos tendem a achar que é difícil a reposição do colágeno a partir de alimentos orgânicos.

Entretanto, existem diversas opções dentro do mundo vegetal que ajudam a atingir a quantidade de proteína recomendada pelos nutricionistas – entre eles o feijão, o trigo, o arroz, o milho, a soja e as castanhas. Há, ainda, a possibilidade de compor suplementos específicos através de farmácias de manipulação, utilizando os dois aminoácidos responsáveis pela ativação da produção do colágeno, a prolina e glicina.

Para além disso, a absorção do colágeno pode ser potencializada quando ingerida em conjunto com alimentos ricos em ômega 3 e vitamina C. Isso deve-se ao fato desses componentes reagirem com a proteína e aumentarem a sua eficácia.

Assim, para quem deseja manter a pele saudável e sem sinais de expressão, torna-se imprescindível complementar a ingestão da proteína (seja na sua forma natural ou através de suplementos) com uma alimentação balanceada e saudável.

Ao dar os nutrientes que o corpo precisa para um bom funcionamento do organismo, você auxilia os benefícios estéticos provenientes do colágeno e das outras substâncias necessárias para uma aparência mais jovem. Desse modo, fizemos uma lista de alimentos que ajudam a rejuvenescer sua pele e amenizar os traços do tempo.

Acerola

Famosa entre os nutricionistas, essa fruta exótica é rica em vitamina C, ajuda na formação do colágeno – o que auxilia para uma pele mais macia e firme, e diminui a celulite. A vitamina C também atua no antienvelhecimento da pele por seu efeito antioxidante.

Algas (especialmente as variedades Chlorella e Spirulina)

Ainda não muito populares no território brasileiro, as algas trazem vários benefícios antioxidantes para o corpo. Assim, são aliadas fortíssimas na luta contra as rugas e marcas de expressão, assim como a celulite e as acnes.

Alimentos alaranjados

Cenoura, mamão, abóbora, manga… Frutas comuns e abundantes no solo brasileiro, elas são ricas em betacaroteno, responsável pela produção da vitamina A. Com efeito antioxidante, essas frutas ajudam na modulação dos genes que formam o colágeno e a queratina, cujo principal efeito é uma pele saudável, elástica e macia.

Aveia

Preferida dos nutricionistas, ela possui extraordinários valores nutricionais. Além de fibras solúveis/insolúveis, a aveia é rica em diversos minerais – como magnésio, cobre, fósforo, manganês, cromo, molibdênio e zinco. Além disso, ela é rica em biotina e vitamina B1, tendo uma alta dose de proteínas – principalmente quando justaposta a outras opções vegetarias e veganas.

Ela ajuda ainda a diminuir o colesterol, na resposta do sistema imunológico à infeções, protegendo a pele. Por toda essa complexidade e completude, a aveia é uma ótima acompanhante para quem deseja perder aqueles quilos a mais, sendo uma rica fonte de carboidratos e, consequentemente, de energia.

Chá verde

Principal produto consumido nos países orientais, o chá verde possui como efeito a diminuição da celulite e a suavização das marcas do envelhecimento. Isto se dá pela presença de diversas substâncias com efeito antioxidante e anti-inflamatório, auxiliando numa pele mais saudável e bonita.

Óleos de prímula e borragem

Compostas por 17 a 25% de ácido gama linoleico – ou “GLA” –, são fontes naturais riquíssimas que favorecem a hidratação da pele, a partir da reposição das diferentes substâncias que a compõem. Também trazem fortes benefícios a saúde corporal feminina ao aliviar os sintomas da TPM, assim como masculina, ao diminuir a queda de pelos e do cabelo. São também grandes aliados no tratamento de acnes e da artrite reumatoide.

Romã

Mesmo sendo uma fruta pouco acessível, a romã é rica em vitamina C e K, proteína, potássio, fibras e ácido fólico. Quando consumida, ela tem uma forte ação antioxidante – oferecendo maior proteção natural contra o sol e os seus raios UVA e UVV, assim como reduzindo as manchas na pele. Além disso, ela é um poderoso anti-inflamatório.

Não bastassem esses efeitos, a romã ainda ajuda no controle da pressão arterial, diminuindo a hipertensão. A fruta ajuda a melhorar pacientes que possuem problemas renais, por conta da sua concentração de potássio – reduzindo muitas das complicações provenientes da hemodiálise. Por fim, a romã bloqueia a produção de triglicerídeos ao destruir a gordura antes que ela se deposite nas veias, auxiliando no cuidado dos níveis de colesterol.

Sardinha

Mais comum na mesa dos brasileiros, este peixe contém níveis altos de ômega 3, vitaminas D e B12, cálcio e proteínas. Esse combo de nutrientes faz da sardinha um excelente componente em uma dieta saudável e equilibrada – auxiliando, ainda, na perda de peso, nos problemas cardiovasculares, anemias e depressões. Por ser uma proteína, também é ótima para os músculos.

0Shares